carta
  • hpb Hospital de Praia Brava
  • cmm Centro Médico de Mambucaba
  • amir Ambulatório Médico de Itaorna
  • cmri Centro Médico das Radiações Ionizantes
  • cira Centro de Informações sobre Radioepidemiologia
  • cmpm Centro Médico do Parque Mambucaba
example Banner

Notícias

voltar a notícias

Feam realiza durante o Carnaval mais uma campanha de prevenção de acidentes de trânsito na Rio-Santos

26 de Fevereiro de 2014/HPB

A Fundação Eletronuclear de Assistência Médica realiza durante todo o feriadão de Carnaval mais uma etapa da sua décima primeira Campanha de Prevenção de Acidentes de Trânsito na Rodovia Rio-Santos. A campanha, que já acontece há 11 anos, nos feriados de Ano Novo, Carnaval e Semana Santa consiste na distribuição de kits com adesivo, sacola para console de automóvel e filipeta com as informações sobre os acidentes que ocorreram na rodovia no ano passado. O objetivo é chamar a atenção dos motoristas para os perigos de se trafegar na BR-101 sem utilizar os equipamentos de segurança, sem respeitar as regras do trânsito e principalmente alertar para o maior erro de todos: o de beber e depois dirigir.

Trecho da rodovia, que corta Angra, é o que mais registra acidentes

Em 2013 aconteceram 1279 acidentes no trecho da rodovia Rio-Santos que vai de Santa Cruz, no Rio, até a divisa entre Paraty e Ubatuba. Ao todo, 64 pessoas morreram e 217 ficaram gravemente feridas.

Essa estatística, que foi retirada do banco de dados da Polícia Rodoviária Federal, demonstra uma situação preocupante para quem vive em Angra dos Reis. Os números, divididos por área revelam que o município está no topo das ocorrências, veja:

Angra dos Reis: 534 acidentes / 89 feridos graves / 25 mortos

Paraty: 162 acidentes / 28 feridos graves / 3 mortos

Mangaratiba: 239 acidentes / 55 feridos graves / 19 mortos

Itaguaí: 240 acidentes / 31 feridos graves / 15 mortos

Santa Cruz – RJ: 104 acidentes / 14 feridos graves / 2 mortos

Serão, ao todo, 33 pontos de distribuição dos mais de 15 mil kits que foram confeccionados, desde Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, até Paraty e também em Lídice e Rio Claro. A campanha realizada pela Feam tem o patrocínio da Eletronuclear e da prefeitura de Angra e os apoios da Polícia Rodoviária Federal e da Secretaria de Saúde de Angra.